Ponte 25 de Abril

6 anos ago by in Engenharia, Obras emblemáticas
Ponte 25 de Abril - The World Without Us - Kenn Brown

Uma das pontes mais emblemáticas de Portugal, a Ponte 25 de Abril – oficialmente designada como Ponte sobre o Tejo e inaugurada em 1966 com o nome Ponte Salazar, volta a entrar em obras com a realização de uma empreitada de trabalhos de reparação e conservação.

Os trabalhos abrangem a construção metálica, a protecção anti-corrosiva e o betão armado e são de natureza diversa:

  • reparações e construções mecânicas
  • reparações de betão armado
  • reparações de protecção anti-corrosiva em superfícies metálicas
  • reaperto e reparação da protecção anti-corrosiva das braçadeiras dos cabos
  • escadas, plataformas, guarda-costas, tampas e protecções
  • outras reparações, tais como colocação de vedantes, sistema de impermeabilização e drenagem
  • criação de acessos à zona inferior do tabuleiro do viaduto.

A importância estratégica da ponte, aliada à sua geometria, traduz um nível de constrangimentos bastante relevante para a execução da generalidade dos trabalhos, tanto em termos de acessibilidade aos locais como à própria execução das tarefas.

United States Steel Export Company foi a companhia responsável pela construção da Ponte 25 de Abril, em 1962, a empreitada foi adjudicada à empresa americana, tendo sido inaugurada em 1966, sendo, na altura, a maior ponte suspensa da Europa. Tem dois tabuleiros: um superior, para o tráfego rodoviário e um inferior para o ferroviário.

Cronologia:

  • 1876/1960 – Diversos estudos para a ligação das duas margens do Tejo
  • 1961 – Elaboração do projecto
  • 1962/1966 – Construção da obra
  • 1966, Agosto, 6 – Abertura ao tráfego rodoviário (quatro vias)
  • 1990, Julho, 23 – Adaptação para cinco vias (uma reversível)
  • 1995/1999 – Obras de instalação da via-férrea e alargamento da rodovia
  • 1998, Novembro, 6 – Conclusão do alargamento rodoviário (seis vias)
  • 1998, Novembro ,15 – Passagem do primeiro comboio
  • 1999, Julho, 30 – Início da exploração ferroviária

Ponte suspensa

  • Comprimento do vão principal: 1.012,88 m
  • Distância entre amarrações: 2.227,64 m
  • Altura livre acima do nível da água: 70,00 m
  • Altura das torres principais acima do nível da água: 190,50 m
  • Diâmetro dos cabos principais: 58,60 cm
  • Número de fios de aço por cada cabo principal: 11.248
  • Diâmetro de cada fio de aço, cabo principal: 4,877 mm
  • Comprimento total de fio de aço nos cabos principais: 54.196 km
  • Diâmetro dos cabos secundários: 35,44 cm
  • Número de fios de aço por cada cabo secundário: 4.104
  • Diâmetro de cada fio de aço, cabo secundário: 4.98 mm
  • Comprimento total de fio de aço nos cabos secundários: 20.000 km
  • Profundidade do pilar Sul abaixo do nível da água: 80 m
  • Profundidade do pilar Norte abaixo do nível da água: 35 m

Viaduto de acesso

  • Comprimento total: 945,11 m
  • Número de vãos: 14
  • Vão maior: 76 m

[button size=”medium” style=”limegreen” url=”http://dl.dropbox.com/u/5842073/LIVRARIA/Ponte%2025%20Abril%20.pdf” ]A Ponte 25 de Abril – Compilação por JoséF. G. Mendes, 2005[/button]

construção da ponte 25 de abril, ponte 25 de abril construção, construçao da ponte europa,

Leave a Comment